Análise: Pequena Miss Sunshine

Numa onda mais relax agora, trago para vocês um ótimo filme para se ver em família: Pequena Miss Sunshine. Ninguém fica pra trás! Dá o play!

Ficha Básica
Direção:
Jonathan Dayton e Valerie Faris
Ano: 2006
Gênero: Comédia / Drama
Duração: 101 minutos
Classificação Indicativa: 14 anos

———
– Todas as cenas do filme são marca registrada de seus proprietários.

Deixe um comentário, ou trackback para o seu site.

4 Comentários para “Análise: Pequena Miss Sunshine”

  1. Vivi disse:

    Eu adorei esse filme!
    Eu acho q a mistura de comédia e drama (embora sejam elementos totalmente antagônicos) ficou perfeitamente equilibrada.
    E com um final surpreendente…rs
    Ótima análise. 🙂

  2. Júlia Veras disse:

    Usando uma expressão da modinha, esse filme é amor!!!

    <3

    Família é um assunto que sempre rende panos para mangas, e esse filme soube tratar dele muito bem. E mesmo essa família sendo muito fora do normal não tem como não se identificar. A ideia da kombi que tem que empurrar, mas que depois consegue abrigar todo o mundo é uma metáfora muito boa. Por fim a cena final (que vc fez bem em não botar imagens) é simplesmente maravilhosa, seja pelo inusitado, seja pela mensagem que ela passa de que, como diria Lilo – a menininha fofíssima de lilo e stitch, outro fime que amo – família é não abandonar.

    Só uma colocação é que a comédia e a tragédia não são coisas tão distantes assim – basta notar que quase sempre rimos mesmo é da desgraça alheia.

    Beijos

  3. Fábio Nazaré disse:

    Posso estar engando, mas acho que as imagens estão invertidas (espelhadas)…

Comenta aí, traça!

Powered by WordPress | Free T-Mobile phones at BestInCellPhones.com. | Thanks to Verizon Wireless, Facebook Games and The diet solution