Análise: Resident Evil – O Hóspede Maldito

Fala povo feio! Originalmente a Vivi que iria postar uma análise aqui hoje, mas como ela ainda não melhorou da garganta, cá estou outra vez! E hoje temos mais uma análise de terror (na medida do possível). Sim… Finalmente decidi falar desse filme, depois de superar o trauma já comentado no podcast de pirataria: Resident evil: O Hóspede Maldito (e que tradução escrota hein!).

Ficha Básica
Direção:
Paul W.S. Anderson
Ano: 2002
Gênero: Terror
Duração: 101 minutos
Classificação Indicativa: 16 anos

———
– Todas
as cenas do filme são marca registrada de seus proprietários.

Photobucket

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Deixe um comentário, ou trackback para o seu site.

6 Comentários para “Análise: Resident Evil – O Hóspede Maldito”

  1. Tarta disse:

    P… Diego não compara esse lixo com Matrix não cara,
    tem que comparar com Soldado Universal o Retorno

  2. Flyfish disse:

    Que maldade, o filme tem bons momentos… rs

  3. Tarta disse:

    É tem sim as partes q a moça estã com pouca o roupa e o fim dessa tortura

  4. Manu Agra disse:

    Rapaiz, pra uma pessoa que nunca jogou Resident (EU) e que mal sabia o que era na época em q começaram a lançar os filmes eu posso dizer que gostei. :S

  5. 6renk disse:

    Resident Evil – O Hóspede Maldito,não chega nem perto de ser uma adaptação. Parece mais um filme de ação do que de surviver horror.
    Não conseguiu passar o horror e suspense do game. Nem manteve bem a historia.

    • Diego Flyfish disse:

      Na época eu tinha me contentado com o resultado e até dava uma nota 8 pro filme. Hoje acho um filmeco mais ou menos (nota 4 ou 5)… Já as sequências são puro lixo não dígnas de nota. rs

Comenta aí, traça!

Powered by WordPress | Free T-Mobile phones at BestInCellPhones.com. | Thanks to Verizon Wireless, Facebook Games and The diet solution