Análise: Monster Hunter 3 (Wii)

Sexta-feira é dia de caça (entenda como quiser)! Realize o seu sonho de moleque (ou moleca também, por que não? =D), e entre nessa aventura caçando os maiores monstros que aparecerem na sua frente, mas não pense que isso vai ser fácil. Dá o play!

Ficha Básica
Produtora:
Capcom
Ano: 2010
Gênero: RPG / Ação / Aventura
Jogadores: Até 4 jogadores, online
Classificação Indicativa: 12 anos.

———
– Todas
as cenas do jogo são marca registrada de seus proprietários.

Photobucket

Deixe um comentário, ou trackback para o seu site.

7 Comentários para “Análise: Monster Hunter 3 (Wii)”

  1. gabriel teixeira disse:

    o game é realmente muito bom, só que vc fly nao falou das trilhas sonoras que se encaixaram bem no ambiente do jogo, mas do jeito que essa analise ta cheia de detalhes, isso nao é necessario.

    muito boa

    • Diego Flyfish disse:

      Bem lembrado. Na verdade, eu até tinha comentado, mas tive que tirar por causa do tempo… A análise ficou gigante. Pra você ter uma idéia, tinha ficado com 36 minutos de gravação. Só que na edição eu tive que deixá-la no máximo com 10 minutos. Acabei cortando muita coisa interessante.

      Dentre elas tem a própria trilha sonora que você comentou.

      Além disso, o Monster Hunter 3 tem um modo Arena em que você banca o gladiador para lutar contra os monstros. O legal é que esse modo também é paralelo às campanhas. Ou seja, você pode jogar com o seu personagem da campanha na arena, e inclusive os prêmios que você ganhar lá, podem ser resgatados no seu jogo normal… Outra coisa legal é que quando você captura um monstro novo numa missão, você pode lutar contra ele na arena. Enfim, foi um jogo muito bem bolado.

      Outra coisa que tive que cortar é sobre a jogabilidade. É um jogo que necessita de técnicas pra jogar e não ficar apenas apertando um botão o tempo todo. Cada arma tem um timing diferente e você tem que se acostumar para saber usá-las, e cada uma te passa uma experiência diferente no combate.

      Cara, esse jogo te proporciona horas de diversão… Pra quem não aguenta mais aqueles games de aventura/ação que você zera em 5 horas, tente jogar o Monster Hunter (existe algumas outras versões para outros consoles e pc, se não me engano).

      • gabriel teixeira disse:

        é mesmo, as vezes trocar de arma pode ser muito arriscado. Quando eu jogava o MH1 pro ps2 eu tive esse problema, troquei aquela espada pequena por uma lança e me ferrei, só me acostumei depois com a clava.

  2. Tarta disse:

    Muito interessante esse jogo. Vou procurar as versões anteriores pra ver se tem pra PS2.

    Ele me lembrou um pouco do shadown of colossus, em relação a matar monstros gigantes(realmente gigantes), inclusive no Shawdown a grande maioria dos monstros vc tem que escalar o bixo pra poder chegar ao ponto fraco.

    • Diego Flyfish disse:

      Existe um monstro no MH3 que você também sobe em cima dele de tão grande que é… O engraçado é que eu zerei o jogo e não o vi. Descobri isso por um acaso, enquanto procurava vídeos pra essa análise.

      Mas pelo que eu notei, é um evento que só pode ser liberado online. E eu ainda não faço idéia de como liberá-lo. rs

      Esse é o bicho:

      [youtube=http://www.youtube.com/watch?v=tFynoWETROk]

      Se brincar ainda deve ter mais coisa que ainda não vi no jogo.

    • gabriel teixeira disse:

      o MH1 é pra ps2, mas nao tem tantos monstros legais como o 3

  3. gabriel teixeira disse:

    o jogo conseguiu deixar todas as lutas super animadoras, nao é como muitos jogos que lutar contra o chefao é extremamente cansativas e chatas

Comenta aí, traça!

Powered by WordPress | Free T-Mobile phones at BestInCellPhones.com. | Thanks to Verizon Wireless, Facebook Games and The diet solution